Rapidão porque não gostei do filme e não tô muito afim de falar sobre ele:

Memórias de uma Gueixa é daqueles filmes caralho meu que coisa mais bonita e tudo o mais. Sério, tem muita cena bonita. Mas não tem nada mais do que isso, é quase triste de assistir e perceber isso: nada na história genuinamente comove ou envolve, a pequena criança que é vendida pelo pai, aprende a ser a mais bela das Gueixas e se perde na guerra pode até parecer interessante na sinopse, mas progride com tanta porquice e falta de interesse que, no final, eu nem sabia mais o que ela tava fazendo e por quê.

  • Prós: é realmente uma produção caprichada.
  • Contras: durante as longuíssimas 2h de filme eu não absorvi absolutamente nada.
  • Veredicto: Memórias de uma Gueixa é o maior exemplo daquele tipo de filme oco: lindo por fora, em que cada cena parece produzida com esmero; mas muito pobre em substância. Na verdade, de substância esse aqui não tem nada.

Memórias de uma Gueixa (Memoirs of a Gueisha, 2005). Estados Unidos. Dirigido por Rob Marshall; escrito por Robin Swicord; fotografado por Dion Beebe; editado por Pietro Scalia; trilha-sonora composta por John Williams; com Zhang Ziyi, Ken Watanabe, Michelle Yeoh, Kenneth Tsang, Youki Kudoh, Kôji Yakusho, Gong Li, Kaori Momoi.

Publicado por Arthur

Eu faço sites e vejo filmes.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.