Terra de Ninguém (Badlands, 1973)

Terra de Ninguém (Badlands, 1973)

Em seu primeiro e mais enxuto filme, Terrence Malick une uma geração perdida com sua impressão sobre a vida. O resultado? Já na estréia, Malick surpreendeu o mundo.

Em Terra de Ninguém, Malick conta a história — inspirada em fatos — de um assassino que, junto com sua apaixonada namorada, atravessa Dakota do Sul e Montana. Mas Malick não busca impressionar pelos assassinatos (lindos de se ver, e muitíssimo contemplativos). O que Malick discute aqui é a alienação da vida. Da necessidade de nossa rotina. Da destruição de nós mesmos.

Terra de Ninguém é, também, o mais linear de seus filmes. Aqui, Malick se reserva a retratar, em poucos planos, toda a nossa mínima existência (o plano do homem morrendo sentado, na cadeira, “eu acho que ele não vai se importar”). Mas é, também, uma poesia visual tão grandiosa que enche os olhos. E o coração.

  • Prós: filmado com a beleza estética que seria marca registrada de Malick; atuações que se tornariam marca registrada dos filmes de Malick; beleza subliminar que é, e sempre será, marca registrada de Malick.
  • Contras: nenhumzinho.
  • Veredicto: estupidamente belo e bem atuado, Terra de Ninguém é a primeira, e estonteante, poesia visual de Terrence Malick sobre nossa mundana existência.

Terra de Ninguém (Badlands, 1973). Estados Unidos. Escrito e dirigido por Terrence Malick; fotografado por Tak Fujimoto, Stevan Larner, Brian Probyn; editado por Robert Estrin; com Martin Sheen, Sissy Spacek, Warren Oates.

Anúncios

Autor: Arthur

Eu faço sites e vejo filmes.

2 comentários em “Terra de Ninguém (Badlands, 1973)”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.